Retomando a Arte Perdida de Fazer Sentido

doesn_t_make_sense_in_hd_by_lemmino-d6tz5o7Acredito que não seja surpresa pra ninguém o fato de que somos chamados a defender aquilo que nós acreditamos, com calma e tranquilidade (I Pe 3:15). O fato é que muitas vezes fazemos isso de maneira ilegítima. O que eu quero dizer com isso?

Sem perceber nós manipulamos as idéias pra que os outros concordem ou acreditem em nós. E por causa disso, temos discussões improdutivas, o cristianismo atolado em descrédito e, por fim, nossas convicções religiosas/ filosóficas relegadas à esfera pessoal, pela incapacidade de estabelecermos um diálogo civilizado.

Quando defendemos o que pensamos, precisamos fazer isso de forma relacional, compartilhando aquilo que cremos (em vez de mantermos uma postura proselitista) e tendo o cuidado para nunca nos permitir usar argumentos ilegítimos, que não sejam completamente íntegros. De outra forma, podemos até calar os outros, mas não estaremos sendo leais à verdade. Nosso pensamento e discurso precisa suportar a intensidade do fogo de um profundo questionamento e reflexão.

E por isso, quero apresentar os principais abismos lógicos, conhecidos como falácias, que são tão presentes no nosso raciocínio e em nossa argumentação. Esse jeito errado de pensar e argumentar está presente em todo lugar: discursos políticos, sermões, conversas diárias, filmes, brigas de casais – você escolhe.

Ao conhecê-las, a intenção não é gerar novas verdades, mas sim permitir que nós sejamos capazes de avaliar a consistência e coerência das diferentes cadeias de pensamentos que nos são apresentadas a todo momento. Assim seremos capazes de questionar e compreender melhor o mundo, ter mais segurança em nos expressar e saber quando largar uma conversa improdutiva. Espero que com os posts dessa seção, você retome o aprendizado na arte perdida de fazer sentido!

 


O que você pensa sobre isso? Comente!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s